sexta-feira, outubro 07, 2005

“X&Y” (2005), Coldplay



A banda prodígio

Depois de dois álbuns muito bem aceites pela crítica e principalmente pelo público, os Coldplay já se tornaram uma das bandas mais conhecidas e queridas do mundo.
O quarteto inglês provou que as melodias simpáticas que juntam o brit-pop com um rock suave mais alternativo são a chave para o sucesso instantâneo.
Ao terceiro álbum de originais, os Coldplay voltam a dizer-nos que ainda fazem música boa e que não ficaram a descansar à sombra dos seus dois anteriores sucessos.

“X&Y” é um disco claramente mais ambicioso que “Parachutes” mas que segue o já grande e mais mediático “A rush of blood to the head”.
Apesar de ter um cheirinho de anos 80, o brit-pop continua a ser a maior influência desta banda que se tornou, por mérito próprio, uma das maiores referências do género.

Tal como os anteriores trabalhos, “X&Y” centra-se sobretudo em músicas de cariz mais intimista e introspectivo.
As músicas são todas harmoniosas e melodiosas, ou não fossem os Coldplay a banda por excelência a criar músicas agradáveis que transmitem as emoções de quem as escreveu.

Apesar de não ser totalmente original uma vez que se encontra bastante próximo dos trabalhos anteriores, “X&Y” é um álbum muito bom (excluindo o primeiro single “Speed of sound" que se tornou enjoativo de tão ouvido). Soa a Coldplay do princípio ao fim e isso, só pode ser positivo.

A ouvir com especial atenção: “Square One”; “What if”; “White shadows”, “Fix you”; ”Low”; “Twisted logic”; e a melhor de todas: “Til kingdom come”.

8/10

5 comentários:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
André Batista disse...

um grande, grande discol. mesmo assim, foi considerado (pela bbc 6 music), como o 2º album mais valorizado de sempre. see ya!! bela análise :)

Spaceboy disse...

O meu preferido dos Coldplay é o «Parachutes», já não achei muita piada ao «A Rush of...» mas voltei a interessar-me pelos Coldplay neste «X&Y», disco onde eles subtilmente vão explorando novos universos.

Julio disse...

excelente critica joaninha! (ou seja, agradou/me q tivesses escrito bem sobre eles :P ) realmente eh um album muito bom mesmo! E deste boa nota! Ehe
*

H. disse...

prefiro o anterior mas este ñ está nd mau...
e em Nov. lá estarei p os ouvir/ver =)